sábado, 8 de maio de 2010

Debruço-me no parapeito da janela
As folhas ensaiam uma coreografia
Os pássaros que se aninham na folhagem
emitem sons de violino
Orquestra, dança
E o sonoro gargalhar de uma criança
Daqui beijo o sol, acaricio o vento
Espero e desespero por um momento
Recuo, pergunto a mim o que aqui faço
Num piscar de olhos rodopia o tempo
Eis a resposta, sei o que aqui faço
Eu estou aqui, á tua espera
Á espera do teu abraço!

24 comentários:

Teresa David disse...

Um sítio que desperta a vontade de estar em paz, como no fundo o poema tão bem transmite.
Obrigada pela visita.
Cá vou lutando, a fazer quimio semana sim semana não depois de em Janeiro ter sido novamente operada e retirado mais um tumor.
Mas estou elegante e com muito bom aspecto segundo dizem!
Beijos amigos
TD

Bichodeconta disse...

Claro que está com bom aspecto, porque não estaria.. Espero que essa luta seja para ganhar, a Teresa não me parece pessoa para perder assim ..Um beijinho, Ell
Vou inventar força para ir pela porta das traseiras enviar mais umas palavras..Tudo de bom.

Laura disse...

Olha quem encontrei por aqui,a teresa david... uma amiga que tinha perdido o rasto..Não sabia que andava doente..Força minha querida e muita esperança, a vida ajuda quando nós ajudamos, lembro que eu tinha o tumor isso já foi há dois anos e, gostei de a ver aqui...
Beijinhos mil e abraço apertadinho da laura

Laura disse...

Ai quem me dera um parapeito
de janela
poder debruçar-me nela
e logo ali o meu cavaleiro
esperando o abraço prazenteiro
montar na minha égua reluzente
e cavalgar com ele
além do sol poente!...

Menina deste-me uma certa saudade de compartir meus dias e minhas noites com um amor que se diluiu no tempo!...
Abraço apertadinho da laura

Brancamar disse...

Tão lindo e terno querida amiga..., lembro o teu sorriso, a tua alegria, a tua simpicidade e deu-me saudades.
Adorei ler este poema, sinónimo de uma alma apaixonada.
Parabéns.
Beijinhos
Branca

Bichodeconta disse...

Olá Laurinha, passaste por aqui? Linda.. Então a Neide já partiu? Desejo-lhe tudo de bom e a ti também naturalmente.. Não sei se tenho endereço dela, tenho de ir ver, se tiver de vez em quando vou pedir para que ela diga alguma coisa..Claro que ela vai estar a trabalhar , ocupada, mas sempre haverá uns minutinhos de vez em quando e nós gostamos de saber notícias.. Beijinho á mãe e aos tres filhotes, e já agora ao pai também...Tens pintado muito Laurinha?

Bichodeconta disse...

Brancamar.. Há tempo que não falamos, que não sei nada de ti e da tua filha linda..Obrigada pela visita e pelas palavras amigas..Vou até ao teu cantinho, tenho andado tão arredada, desculpa..Não vos esqueço, mas nem sempre consigo estra na net..Um beijinho, Ell

Laura disse...

Olá, a Neide e Nuno neste momento estão os dois com amigos no Algarve desde sábado, não é clima de verão mas tem passeado á beira mar, e levado aquele relax que precisavam... ela vai no fim do Mês embora e o nuno dia 20, estarei mais só mas, eu consigo..mau era se não o fosse, há mais de um ano que ando a prepararr-me para esta partida dolorosa mas necessária...Deus é Pai a ajuda a laurinha...
Beijinho e brigada,depois envio-te o email dela..laura

Je Vois la Vie en Vert disse...

Estavas à espera dum abraço ? Cá estou aqui para te dar este meu com muito gosto !
Andas numa de Facebook ? Também és uma gentlewoman farmer ? Tens cerejas ? tens morangos ? Gosto dos dois....
É por isso que apareces menos na blogosfera !

Beijinhos

Verdinha

Bichodeconta disse...

Olá Verdinha que abraço gostoso.. Claro que tenho cerejas e morangos, aliás até sou master em cultura de morangos..E tenho dois cães lindos..Agora voces vão rindo, um destes dias rendem-se e cultivam uma quinta, claro que vou ser vossa vizinha.. Tenho ttres quintas grandes para cuidar, e tenho andado pouco entusiasmada com o blog..É tão bom voltar aqui, isto porque tenho saudades de vos ler.. Á familia, um beijinho no desejo de que tudo esteja bem..Gostei da paisagem que se vislumbra do teu espaço e gostei sobretudo das músicas lindas que fazes o favor de partilhar ..Volta sempre, Abraço, Ell

Graça Pires disse...

Uma janela onde dá gosto debruçar-se...Muito belo, o poema.
Um beijo.

Je Vois la Vie en Vert disse...

Não me convences, menina Bicho-de-conta !
Se eu pudese ter ao pé de mim um cantinho para plantar realmente coisas biológicas, isso fazia ! Gostava imenso de ir colher uma saladinha, uns tomates e algum feijão verde bem como fruta logo de manhazinha para ter tudo fresco para o almoço. Até tenho terreno para isso e riquíssimo terreno mas não está no fundo do meu patio... está a 70kms...mas por falta de rega, só temos fruta.
Agora virtual ? Não me contento com isso....
Beijocas
Verdinha

Bichodeconta disse...

Verdinha, nunca ouviste dizer que quem não tem cão caça com gato?Não +e bem o caso, mas quase.. Isto é um jogo, claro que te entendo, gostaria de ter um lugar onde cultivar coisas frescas, biológicas para por na mesa, mas não tenho.E até podia ter galinhas..Que pena não teres água nesse terreno que pelos vistos fica longe da tua casa.. Aqui amiga nem um vaso com salsa ou outras ervas aromáticas.. Percebo muito bem, mas eu estou aqui sózinha e alguma coisa tenho de fazer..Adorava fazer tricot, crochet, bordados e outras coisas mas agora nºão dá..Quem sabe um dia..Beijinhos , Ell

Laura disse...

Ahh já lá entrei e disse; nánaninanão, antes quero o blogue e faalr com os meus amigos, as quintas so me servem para as sextas...
e amanhã é sexta, logo...beijinho da laura

Bichodeconta disse...

Não entendi..Beijinho Laura, e viva a liberdade de escolha.Beijinho, Ell

Fernanda disse...

Olá, obrigada pela visita ao meu cantinho e pelo comentário :)

Muito bonita a foto a condizer com o belo poema, então, aqui vai um abraço muito apertado.

Beijinhos :)

Maria Soledade disse...

Um abraço, um abraçinho terno e muito meiguinho...

Ell, adorei o poema, estava lindo embora eu sentisse uma certa fragilidade no teu "eu"!!Agarra o amor Linda,que esta vida é tão pequenina,mas tão pequenina, que não podemos desperdiçar nadica de nada...

Brinca com a tua quinta se isso te dá prazer.A minha filha começou,mas deixava apodrecer tudo, e desistiu.Agora anda numa do Hotel não sei das quantas...Oh, "balha-me"!!

PS:Dás licença que eu mande um Enorme Beijinho de Muita Força à Teresa David?Não a conheço, mas não gosto de saber que alguém está a passar por esse tormento...

***Beijinho minha Kida, e amanhã o pesadelo de hoje, não passará de um mau sonho...TUDO VAI CORRER BEM!!

**Desculpa Ell,ter ocupado o teu espaçinho...

Beijinhos MUUUIIIIIIIITTTOOOOOOSS

MUUUUUUUUAAAAAAAAHHHHHHHHHH********

Bichodeconta disse...

Olá Maria Soledade, usa o espaço como se teu fosse.Diz á tua filhota que seie produtos para mais tempo e assim não deixa apodrecer..Isto é só um jogo, mas acaso a vida toda não é um jogo?A minha Raquel também joga esse do hotel que é tão engeraçado..As mesas com toalha de quadrados, os pratos que confeccionam rápido e que os amigos vão servindo.Pelo menos não estamos a fazer coisa pior..OBRIGADA PELA VISITA, VOLTA SEMPRE..uM BEIJINHO, eLL

Andre Moa disse...

Beijinhos cor de cereja,
morangos da cor da pele...
Ai que inveja, ai que inveja
de quem te beija, ó Ell!
Abreijos
André Moa

Bichodeconta disse...

Bem vindo João a este espaço singelo ..Tenho lido os poemas que deixou no espaço do Moa, e fico sensibilizada ..Não conheço o João pessoalmente , quem sabe um dia?Mas o Moa é uma pessoa extraordinária, de uma força imensa e que faz o favor de me deixar partilhar aquele espaço e o favor de receber a minha amizade que ele (meretíssimo)retribui sempre com juros e correcção monetária..Acredito que um dia nos vamos conhecer também.A quele é um lugar de encontro..Volte sempre que o tempo o permita..Um abraço, Ell

Bichodeconta disse...

Moa amigo meu, que feliz fico com a tua visita..Tomara o dia em que nos possamos encontrar novamente e nesse dia, vou pedir permissão á D.Teresa para por em dia os nossos beijos..
De cereja de melão
ou de outra fruta qualquer
são beijos, matam desejos
Pois são beijos de mulher...
Abreijos, Ell

Maria Soledade disse...

Linda, vim espreitar, sabes como é a mulher, curiosaaaaa, mas não tinhas nada novo.Huuummm, cá para mim andas às voltas com a tua quinta.Fazes bem.Diverte, distrai,é de borla, e muito giro...

Aproveito para te deixar um beijinho Grande

MUUUUUUUAAAAAHHHHHHH***************

Laura disse...

Olha outra na quinta, ó Soledade isso só se for á sexta...
aquele abraço apertadinho d alaura

Laura disse...

Ehhhhhhhhhhhhhhhhhhhhhhhhhhhhhhhhhh...
ahhhhhhhhhhhhhhhhhhhhhhhhhhhhhhhhhhh...jinhos