terça-feira, 15 de janeiro de 2008

Por Moçambique!!!!

Rios de tinta, de lama e água
Rios em chama de fogo e mágoa
Rios de silencio, guerra e horror
Rios de vontade de acalmar tanta dor
Rios de aventura e de desgraça
E que detrói por onde passa
Anos de esperança afundando a pique
Terra em cujas veias, corre Moçambique
Rios de palavras ditas ao vento
Rios que massacram o pensamento
Rios de fome e de impotência
Rios que consomem a consciência
Rios de crianças chorando em vão
Rios de gente a quem falta o pão
Rios de sereias que vão para o mar
Rios de quem vai para não voltar
Rios de tempo incerto, leitos de vontades
Rios em cujas margens se matam saudades
Quando o sol voltar como por magia
Choverá então um temporal de alegria
««««««««««««««««««««««««««««««««««««««««««««««««««««««
A imagem foi tirada da net é uma pequena mostra do que a chuva tem devastado
em terras de África,Milhares de pessoas estão sem casa e sem comida ou medicamentos, aqui ao lado o mundo, esbanja, indiferente.. Moçambique precisa de apoio e do nosso fraterno abraço...

64 comentários:

Alexandre disse...

Olá, já eliminei os comentários repetidos, só agora vim ao blog. Obrigado pelas tuas palavras e pela tua sensibilidade no comentário que deixaste no meu blog e neste post que dedicas a Moçambique - já não bastava os tantos anos de guerra, o facto de Moçambique - terra linda! - ser um dos países mais pobres do mundo agora os deuses também se viraram contra populações que nada tinham e que ficam com menos ainda. Prova provada de que isto anda tudo ao deus-dará!

Um beijinho grande!!!

av disse...

Verdades duras, Bichodeconta. Mas têm que ser ditas para que alguém as oiça e talvez, um dia, deixem de ser verdades inultrapassáveis.
Um beijinho
Ana

António Castanheira disse...

Olá, Ell! Partilho da tristeza de ver o povo moçambicano a sofrer. Um facto usual em África... infelizmente.
Nós, realmente, continuamos a desperdiçar, a consumir, consumir, como loucos! Indiferentes há pobreza, que mora aqui ao lado...
Digo-lhe, muito sinceramente, por vezes, tenho vergonha de nós, seres humanos.
Parece-me que caminhamos a passos largos para a auto-destruição. Todos os dias são extintas espécies vegetais e animais, e a temperatura do planeta continua a aumentar com consequências inimagináveis para o futuro...
Desculpe o desabafo.

Foi muito bom visitar o seu blog.
Boa semana.
Um abraço

Maria disse...

Pois precisa......
E fico com um nó na garganta quando me lembro das imagens que vi nos telejornais....

Um abraço

filha do administrador disse...

adorava lá ir. não tenho na minha familia ninguém que tenha nascido lá (que eu conheça), mas sempre achei que era uma das minhas terras, talvez por ter amigos de lá e eles me contarem histórias maravilhosas

margarida já muito desfolhada disse...
Este comentário foi removido pelo autor.
margarida já muito desfolhada disse...

O que importa é a mensagem que deixas, mas, se quizeres, emenda a frase abaixo, falhou-te o s no verbo.
um grande beijo.

Rio que detrói por onde passa

manuela disse...

Oi. Gostei de passar por aqui.
Tenho uma cadela parecida com a tua.
Pena é que já não a tens não?
Fiquei triste.
Visita o meu espaço se quiseres.

Beijinho

Manuela

Páginas Soltas disse...

Olá minha querida,

Tenho acompanhado o flagelo das cheias em Moçambique... Via TV... O que me tem deixado muito triste!

Um povo tão sofrido aquele!

Lindo o teu poema...

Beijos.

Laura disse...

Ell; é quase assim todos os anos, umas vezes pior outra snem tanto, mas em áfrica é assim, terra de rios que saem das margens e galgam as terras, as casas e fazem tanto mal às populações mais pobres, é sempre a mesma, os pobres é que sofrem mais...
Que tudo acabe e possam recomeçar d enovo mais depressa e que haja ajudas de todos os lados...pobres seres sofridos...
Beijinhos a ti.

Belisa disse...

Olá

O teu poema é maravilhoso!
Esse povo que luta com todas as dificuldades e que é tão amigo do seu amigo!
Bem -haja por mais esta chamada de atenção, a quem pouco tem, nesta terra linda!
Deixo muitos beijos estrelados

Lumife disse...

Merecido prémio te dediquei no "BEJA". Agradeço que passes por lá e o levantes.

Beijos

Era uma vez um Girassol disse...

Moçambique precisa de ajuda, sim, mesmo sem chuva ou temporais.
Mas a ajuda deve principalmente vir de dentro, da consciência daqueles que lá governam, que esbanjam, que vivem com luxo exagerado...
Vi, senti, percebi.
Seria bom que assim acontecesse com aqueles que agora têm a responsabilidade e o dever de olhar pelas gentes mais carenciadas.
Um grande beijinho da flor...aqui de longe!

bettips disse...

Rio zangado. Mundo indiferente.
Se não as cheias, se não a guerra... muito se preocupam as gentes outras em variedades olímpicas ou eleitorais!
Um olhar a tão desvelada gente que nem com a ameaça da água quer abandonar as casas e os animais.
Acordados estamos nós, sem poder dormir...
Abçs

Rafeiro Perfumado disse...

E infelizmente o pior parece que ainda está por vir. Impõe-se uma intervenção a nível internacional, e não ao nível das simples ajudas individuais, que por muita boa vontade que tenham, nunca chegam e muitas vezes perdem-se...

Lurdes disse...

Bichinhodeconta, não fiques triste comigo. Por ordens médicas tive que me afastar do trabalho por uns tempos e os computadores a que às vezes acedo, cá por trás de muitos montes, nem sempre estão disponíveis ou então têm acesso temporal limitado, o que não dá pra visitar quase ninguém ou pra por novidades no meu blogue. Não fugi, dentro em breve regresso, cheia de força e a 100%, como deve ser e então depois serão só novidades!
Obrigada pela preocupação e até um dia destes (já não falta muito).
Espero é com esta pausa maior que o previsto não perca os meus visitantes...

Beijinhos grandes

TINTA PERMANENTE disse...

Àfrica, parece, foi o berço da Humanidade; há-de ser as tábuas do seu caixão!

Um abraço, amiga!

Berta Helena disse...

Vem muito a propósito este poema. Moçambique precisa de uma mão, de uma mão forte.
O poema é muito bonito, apesar da dureza da situação.

Pena disse...

Rios de silêncio, rios de amargura, rios de desencanto.
Um poema feito com um profundo sentimento ao povo Moçambicano.
Tanta miséria, tanta pobreza, tanta falta de conforto, nestas gentes sinceras, humildes e enternecedoras.
Elas agradecer-lhe-ão, acredite?
Anseio pelo bem-estar da Humanidade, como de certeza também o deseja.
Oxalá o lindo Sol brilhe depressa porque Moçambique jorra abundantes lágrimas de dor e sofrimento.
O Astro-Rei irradie urgentemente a sua bela bela presença nestas paragens de novo para harmonia de um povo habituado a tantas adversidades, tanta precaridade e morte sem protestar.
Adorável. Terno. Magnífico, o seu doce sentir.
OBRIGADO por existir e OBRIGADO pela amizade.
Abraço gigante amigo de estima
Com todo o respeito e adoração pelas palavras que manuseia com doçura e talento

pena

FERNANDA & POEMAS disse...

Olá querida ELL, com muita tristeza eu fiquei, ao ler o teu texto.
O texto está lindo!
O que se passa em Moçambique, é desolador.
Junto o meu apelo ao teu minha amiga.
Beijinhos de carinho e amizade.
Fernandinha

Teresa David disse...

NUNCA ESTIVE EM ÁFRICA MAS SEMPRE SENTI QUE ADORARIA TER VIVIDO LÁ. DAÍ ESTAR SEMPRE ATENTA AO QUE SE PASSA NESSAS PARAGENS E SENTIR AMARGURA E SOLIDARIADADE COM OS QUE SOFREM COM AS DIFICULDADES E CATACLISMOS.
BJS
TD

São disse...

Mais uma vez , a tragédia em África...
Pobre gente!!
Saudações!

De Amor e de Terra disse...

Rios de dor e de pranto
a mágoa rompendo o dique
no olhar de horror e d'espanto
do Povo de Moçambique!...


É minha querida Ell, quanta lágrima vai pelo Mundo, miha Amiga!

Beijos

Maria Mamede

FM disse...

Gostei dos teus textos, gostei da tua visita... Regressa sempre ao Essências ou ao Talvez.
Sê Feliz!

Alexandre Pirata disse...

Moçambique agradece!

Palavras bonitas, como nos habituastes. Este poema lembrou-me os belos ensaios do saudoso Poeta Ary dos Santos, onde estava sempre presente o seu profundo grito de revolta, por tanta injustiça e hipocrisia deste Mundo,....
Moçambique, a Ilha, as praias desertas, as gentes, a cajueira,...são algo de Moçambique que aprendi a gostar, sem nunca lá ter estado, com os meus amigos Zé e Maria Joel que tão bem conhecem e amam a sua terra Natal!
Moçambique aguarda melhores dias!
Um beijinho, Ell. Alexandre.

Suave Toque disse...

Gostei muito de passar por aqui. Um nó na garganta me veio ao ler seu texto. É muito triste saber e ver um rio como este que descreveu. Pena que talvez ele não chegue até as pessoas que deveriam ler.
Grande beijo e parabéns pela sua sensibilidade e preocupação, se todos a tivessem possivelmente teríamos mais temporais de alegria.

Laura disse...

Angola, Moçambique ou uma terra qualquer, em áfrica ou na ásia é igual, dói o que o povo sofre em todos os aspectos, mas um dia seremos nós e também teremos de nos ajudar uns aos outros. é a vida e é assim, nada podemos fazer naqueles momentos em que as almas tanto sofrem e se sentem abandonadas de todo, o socorro demora sempre a chegar...
Beijinhos.

maresia_mar disse...

Olá
verdades que doem e infelizmente uma constante dos povos de áfrica.. uns com tanto e outros com tão pouco.
Mais palavras para quê?
Beijos

Amaral disse...

Bela e profunda poesia nascida no sentimento de quem compreende o drama moçambicano, e com ele revê a tragédia e com ele partilha a esperança dum sol que trará outra alegria àquela gente...

Suave Toque disse...

Obrigada por ter passado pelo meu cantinho.
Bjs

Arco-íris disse...

...rios de dor sem fim...
beijos...muitos

Arco-íris disse...

...rios de dor sem fim...
beijos...muitos

Jose Gonçalves disse...

Boa noite

Depois de algum tempo sem lhe deixar comentários, faço-o hoje para manifestar a minha solidariedade para com o povo Moçambicano.
Parece que neste planeta as coisas teimam em andar ao contrário.
Um bom inicio de fim de semana
José Gonçalves

Menina_marota disse...

Um rio de dor, de lágrimas, de lama.
Um rio de sofrimento, para quem já tanto sofre, mas que não alerta consciências de quem deveria ter a coragem suficiente de ajudar um Povo (mais um) a precisar tanto de ajuda.

Um abraço e bom fim de semana

pentelho real disse...

para quando uma esperança tornada realidade? já custa a acreditar...

legivel disse...

... até parece que o céu desaba com maior intensidade em cima da cabeça de quem menos tem. Mas não é assim, claro. A verdade é que, quando se tem menos meios, está-se sempre dependente da solidariedade de quem mais pode... E há tanta indiferença pelo azar dos outros...

abraço.

Espaço do João disse...

Paises em que eu passeialgum tempo.Quer Angola,quer Moçambique. Ambos posuem grandes potencialidades económicas mas, são os seus governos os mais corruptos quejá conheci. O povo morre à fome e à sede enquanto seus governantes dão-se ao luxo de dar uma gorgeta de 100 dólares ao grumet que lhes leva a bagagem para as suas suites presidênciais. Este éo mundo que temos e, uma andorinha mesmo que seja bastante lutadora não faz verão só. João

JOSÉ NEVES disse...

Uma triste realidade...
Será que custa muito dar um pouco?????

Abraço.

Vb disse...

Olá! O poema é tão belo que quase passa despercebido dado a força do tema.
Por vezes apetece-me zangar com Deus e perguntar-lhe:

Mas e as crianças Senhor?
Porque lhes dás tanta dor?
Porque padecem assim?


Beijinhos

Bichodeconta disse...

ALEXANDRE...
Os Deuses devem estar loucos, que outra explicação pode existir para tanta desordem neste planeta? Um beijinho ..
´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´
AV....
Obrigada pelas palavras, volte sempre , eu tambén gosto de passar peli seu espaço que é feito com sensibilidade... Um abraço..
´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´
ANTÓNIO CASTANHEIRA.....
Só as pessoas com a sua sensibilidade se preocupam com os demais António..Meio mundo anda que nem barata tonta a olhar pró umbigo sem tão pouco se lembrarem de que, algures, há muita gente a passar fome, sede, falta de medicamentos e dos bens mais elementares... Diria ainda, sofrem de desatenção... É uma pena, continuemos então nesta cruzada contra a injustiça, receio que os nossos esforços seja, inglórios..Um beijinho e desabafe sempre que isso seja necessário e possível.
´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´
MARIA...
Um nó que nos aperta a garganta, que sufoca, nos deixa impotentes perante tamanha catastrofe..um abraço, obrigada pela visita..volta sempre.
´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´

Laura disse...

Sai daqui e anda botar um pézinho de dança com o teu farda azul...sai um tango à maneira...vestido lindo e perna noa r? bem, eu na perna já não digo que consiga, mas de resto...vai que não vai...
Passei todo o dia mal da vesicula, bolas, e assim emagreço que nem balão que rebenta...pena as crises sod arem de vez em quando, mas ao outro dia tou que nem morta...de doente...beijinho.

marazul disse...

rios que transbordam de alegria,
rios de lama, feita cama do poeta,
rios (tejo) que brilha na noite escura ao olhar dos amantes que devagarinho na calada da noite se desprendem e se deitam sob o manto suave da calçada fria, que so o amor que se liberta de seus corpos tera força para vencer a dureza da calçada feita berço.


beijos ellllllllllll
sim ainda por aqui estou eu sei é tarde, mas a noite nao é linda pra morrer.
um beijo talvez quem saiba vou descançar nas pedras da calçada.

bras

Pascoalita disse...

Que lindo e emocionantes estes versos! Adorei ler.

Tenho acompanhado a tragédia do povo moçambicano e lamento que tão pouca ajuda lhe seja prestada. Mas é quase sempre assim: Por muito que nos esforcemos, nunca será bastante quando as carências são tantas.
Seria necessário uma mobilização geral e sobretudo uma mudança de atitude a nível mundial, não apenas para ajudar moçambique, mas todos os povos que tanto sofrem.

A Flôr disse...

Sou solidária com o povo Moçambicano.. afinal nasci em Angola!... :)


Abraço-Te com carinho :)

(sempre que aqui venho... fico enternecida a olhar a foto da Matilde :D)

Flor com admiração

Pena disse...

Estes rios emocionam-me.
Devem ser os gritos de um povo sofredor e, ao mesmo tempo, lutador e simples.
Como adoro as suas gentes gigantes de sentimento e encanto.
Moçambique está-me na Alma. No meu sentido coração.
Jamais vos esquecerei brilhante povo. Brilhantes gentes.
Adoro-vos façam o que fizerem.
Gosto do vosso terno e carinhoso sorriso. Um sorriso sofrido, mas belo. Muito belo!!!!!!!!!!!!!!!!
Beijinhos amigos de pureza e deslumbre por acolher a voz sufocante de um povo lindo.
É linda!!!!!!!!!!!!!!
Com grandiosa estima e respeito

pena

Kalinka disse...

Dói-me saber estas notícias sobre a minha terra, Moçambique.
É como dizes:
Quando o sol voltar como por magia choverá então um temporal de alegria...
Aquele povo tem sofrido tanto, mas está sempre bem disposto.

Por aqui já anoiteceu...e, rapidamente termina o fim de semana, como sempre...a voar!!!

Vim sorrateiramente convidar para espreitar o meu kalinka, acabei de responder a um desafio sobre cinema e...há muito a dizer, deixo apenas um pequeno apontamento:
SOBRE O FILME: O PIANO
Toca-me como se a minha pele fossem as teclas do piano.
Toca-me numa melodia única.
Toca o meu sexo com os tons de maresia e os meus seios com os tons de jazz.
Toca as minhas coxas entreabertas em portas de sedução
Toca os meus lábios em acordes de paixão.
ADOREI ESTE FILME.

Maria Faia disse...

Querida Amiga,

Este teu poema tocou bem no fundinho de minha alma... Saberás porquê?! Acredito que sim.
Por vezes sinto-me cansada de esperar pelo temporaL de alegria...

Um grande beijo amigo,

Maria Faia

Laura disse...

Olá..um dia bom para ti, e as chuvas já estão a parar e e as ajudas já estão a chegar, mas agora é na austrália e que aflição assistir ao salvamento da spessoas, que dor, mas que raio de vida temos aqui na terra...
Beijinhos.

as-nunes disse...

Bem me consegui aperceber dos problemas gravíssimos que se colocavam em Moçambique, sempre que chovia com mais abundância. Chuvadas torrenciais que começavam com brutais cenas de relâmpagos e trovões que nos pregavam ao chão. Vivi 2 anos em Moçambique (1969/71).
Tanto dinheiro, riquezas fabulosas para meia-dúzia em milhões e não somos capazes de fazer face a situações de calamidade como esta?
Uma vergonha!
Bj
António

Laura disse...

Uns sem nada e estou a ver na tv que os cozinheiros chefes receberam dez mil euros por dia por estarem a fazer comida na tv, enfim...alguma vez é real este montante? e o que ajudava a quem nada tem...que mundo este...

dina disse...

é favor ires ao meu castelo

Kunta disse...

Adorei o poema! Há muito tempo que não via alguém fazer uso das palavras com tanto sentimento. São palavras que não saem da ponta da caneta ou dos lábios. Saem do coração.

Mil lambidelas

Um Momento disse...

Olá Ell..
Poema tão sentido...
E as chuvas... inundam a terra e afundam a vida de muita gente...

Deixo um beijinho e o desejo de uma boa semana

(*)

lagartadacouve disse...

Faço minhas suas palavras ,sao puro realismo,pouca gente tem coragem das expor tao bem ,tanto sofrimento tantas faltas ,tanta dor.por ali e outros sitios onde iguais situaçoes se passam e deixam um rasto de tao grande
desgraça,obrigado por escreveres aquilo que outros gostariam de escrever ,mas as vezes nao sabem como.beijinhosda ASOR?

liliana_lourenco disse...

Olá Ell! :)

Antes de mais, deixa-me dizer-te que os meus pais, assim como a minha familia toda, são naturais de Moçambique e ler este teu post não me deixou indiferente.
É cruel o que por lá se vai passando... não só "agora" com o problema das cheias, como durante o ano inteiro em que não há cheias mas os problemas continuam...

Mas obrigada pela tua visita! :)

E sim o blog da Dina é muito divertido!
Gosto imenso de lá ir.
Tal como o teu, foi um prémio merecido, tens razão. :)

E não te penitencies mais que estás perdoada! :p
A porta do meu blog está sempre aberta!

Também eu virei aqui visitar-te mais vezes!

Beijinhos e até breve!

**

Laura disse...

Ai nina passei um dia lixadod e nervos e raiva por causa das finanças, a gente paga, torna a pagar, tá mal assim, novos papeis e novas ordens de lá de baixo e que remédio..pagas e nem bufas...a coisa aumenta a coisa sobe para o dobro e o povo paga paga e torna a pagar, somos todos culpados de consentir e assim aqui estamos, mal como o diabo que nos carregubeijinho a ti.

A Flôr disse...

Terra de boa gente!....
Moçambique País onde nasceram alguns amigos meus....

Espero que a tua semana esteja a correr BEM! :)

Fica o meu carinho

Flor

Bichodeconta disse...

FILHA DO ADMINISTRADOR...
Todos temos certamente amigos ou familiares que nasceram ou viveram em Africa, o seu depoimento é contagiante.. Amo Africa que não conheço, mas sinto os cheiros, os sabores, a magia daquela gente que afinal são pessoas como nós... Um beijinho.....
´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´
MANUELA......
Também gosto muito do teu espaço..Que bom que tens uma cadelinha parecida com a Matilde..Ela era linda e será sempre lembrada cm muito carinho... Beijinhos..Boa semana...
´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´
PÁGINAS SOLTAS.....
Não se pode ficar indiferente... Gosto muito de visitar o teu espaço..obrigada pela visita..Um beijinho...
´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´
LAURA....
Pois é Laura, mesmo sendo habitual haver estas catástrofes em África, não consigo, (não conseguimos ) ficar indiferentes.... Grito de revolta amordaçado que brota dentro de mim... Amo Á frica e gostaria que naquele continente , proliferasse o bem estar e a alegria.. Beijinho .
´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´
BELISA....
Que bom ter a tua visita sempre tão agradável.. Um beijinho e o desejo de boa semana...
´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´
LUMIFE....
Obrigada pelo prémio que é demais por tão pouco.. Eu só escrevo o que nasce dentro de mim como água brota das fontes.. O teu espaço é para mim um lugar muito especial... Beijinhos..
´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´
ERA UMA VEZ UM GIRASSOL....
São essas diferenças abismais que dóiem..De um lado a pobresa e miséria de um povo que sofre..Do outro lado os que abusam do poder e vivem á grande com o que ao povo pertence.. um abraço, boa semana...
´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´
BETTIPS....
Rio zangado com alguma razão.. A injustiça é revoltante até para a natureza..um abraço..

Bichodeconta disse...

RAFEIRO PERFUMADO....
Um abraço rafeiroso... Gosto muito de te ler... Um abraço...
´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´
LURDES....
Ai que bom ter-te de volta, espero eu, que em condições de saúde e emocionais para nos presentear com as tuas escritas deliciosas.. Claro que os teus amigos e leitores estão á tua espera... Volta depressa.Até lá um abraço daqueles que reconfortam....
´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´
TINTA PERMANENTE......
Essa frase tão verdadeira poderia ser mote de um fado..Fado triste o daquela gente que sofre..um abraço, ell
´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´
BERTA HELENA...
Obrigada pela visita que espero continuar a merecer..um abraço..
´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´
PENA.....
A amizade está sempre presente na minha existencia... As palavras de revolta brotam em mim como água brota das fontes.. Um abraço e o desejo de boa semana...Gosto muito de o ler também...
´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´
FERNANDA & POEMAS...
Obrigada Fernandinha pelas palavras tão simpáticas e doces.. De seguida irei passar no teu espaço que adoro...Um beijinho, ell
´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´
TERESA DAVID....
Também é esse o sentimento que existe dentro de mim, é como se em alguma outra vida , eu tivesse vivido em África... Um beijinho, boa semana...
´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´
SÃO....
Obrigada pelas palavras bonitas e pela visita.. Um beijinho, ell
´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´
DE AMOR E DA TERRA.....
É sempre tão bom encontrar aqui as tuas palavras de carinho e afecto... Um beijinho..
´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´
FM.....
Vou regressar certamente.. Um beijinho, ell
´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´

Bichodeconta disse...

ALEXANDRE PIRATA....
É isso Alexandre, gente de África, do chamado Leste ou de qualquer outro lugar, bem vindo seja quem vier por bem.. Eu gosto das pessoas independentemente da cor, raça, credo ou religião... É sempre tão bom encontrar aqui a tua presença..um beijinho, ell
´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´
SUAVE TOQUE.....
Merecida a visita ao seu espaço, é bem agradável o que por lá se encontra.
´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´
ARCO ÍRIS....
Onrigada pela visita, um abraço...
´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´
JOSÉ GONÇALVES....
Obrigada José pela visita e pelas palavras sensatas..boa semana....
´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´
MENINA MAROTA.....
Vamos gritar bem alto para que a ajuda chegue a este povo tão carebciado... um beijinho, ell
´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´
LEGÍVEL...
Agradeço profundamente as palavras deixadas e recheadas de emoção..um abraço e boa semana....
´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´
ESPAÇO DO JOÃO.....
Quanta alegria senti ao encontrar aqui a sua presença feito palavras de amizade.. Volte sempre.um abraço, ell
´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´
JOSÉ NEVES....
Estou de acordo contigo nessa pertinente questão: Será que é assim tão difícil ajudar o próximo? Um abraço, ell
´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´

Bichodeconta disse...

VB....
E as crianças senhor
Porque lhes dás tanta dor
Porque padecem assim?
Será que alguma vez vamos ter a resposta a esta e a outras questões? Duvido!!!Um abraço forte na amizade que este mundo nos vai permitindo...
´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´
MARAZUL........
Meu mar de encantos , de magia, mar de amor que cresce no avançar de cada dia... Que as pedras da calçada se aveludem para receber teu corpo.. Longe de ti não há sol, não há alegria.. Eu te amo meu marazul...

Bichodeconta disse...

PASCOALITA...
Olá, essas dietas estão a resultar? um beijinho, ell
´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´
KALINKA...
Linda terra a tua, parabéns..Um abraço, ell
´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´
MARIA FAIA....
Saudades de te ler levam-me de quando em vez ao teu espaço..Por vezes leio e nem comento, mas passo por ali vezes sem conta... um beijinho, ell
´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´
AS-NUNES.....
Sempre tão bom encontrar aqui a sua visita e os seus comentários..um abraço...
´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´
AMARAL....
IN LOVE Disse-me um passarinho.. parabéns...um abraço..ell
´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´
DINA....
Fico sempre feliz quando te encontro por aqui..obrigada e um grande abraço...
.....................................................................
KUNTA...
Uma lambidela amigo, aquilo em África é que está mesmo um mundo CÃO.......
´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´
UM MOMENTO....
Um abraço a ti e um obrigada pela visita que me é sempre tão agradável..um beijinho, ell
´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´
LAGARTACOUVE....
As pessoas podem não saber por no papel o que querem, mas sabem sentir na alma a revolta pelas injustiças do mundo... Um beijo minha irmã......VOLTA SEMPRE..
´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´
LILIANA_LOURENÇO...
Vou continuar a visitar o teu espaço de que gostei muito..Temos já algo em comum: o facto de ambas gostarmos muito de visitar a DINA.....Beijinhos...

Laura disse...

Lá venho eu murchinha de todo zangadinha de todo e com vontade de matar tudo quanto lembrar finanças.... arre, mas, continuemois e daqui a um ou outro mês lá vêm eles com mais uma coisa que nãos e fez se devia fazer e se fez mal e depois..pimba, mais euros...apre, tô cheia disto... jinho a ti.

Alexandre disse...

Olá, não consigo comentar no último post. Aqui fica o comentário respectivo:

Olá, obrigado por todo o teu apoio e carinho para comigo e o meu novo blog, no qual vou jogar muito de mim. Foste a primeira a descobri-lo e isso vai dar-me sorte! Muito obrigado.

Quanto à primeira escola, também tenho muita saudade da minha, até nem está longe de mim embora esteja um pouco modificada. Que saudades do jogo do berlinde e do pião...

Muitos beijinhos!!!!!