terça-feira, 27 de novembro de 2007

Mundo meu

Vou beijar a lua, abraçar o mar
Que dança revolto, sem nunca parar
Sou gota de orvalho, perfumando a terra
Sou frio , sou abismo
Sou lágrima solta contra tanta guerra
Em silencio mergulhada
Sou principio e fim
Alma a sufocar , no fundo de mim
E quando o sol raiar e o dia nascer
De suas entranhas, não virão mais guerras
Só paz , só amor em cada amanhecer...
Ell

37 comentários:

Fernando Pinto disse...

Lindos os teus poemas, lindos os versos que se espraiam neste cantinho tão teu...

Beijinhos e festinhas na Matilde, porque está muito gira na foto.

DuSinho disse...

Sempre com textos bonitos!! E é verdade, a Matilde é super engraçada, tem um ar traquina!!!

Beijinhos mt gds e boa semana!

rato do campo disse...

Poema muito bonito coroado por uma foto igualmente bela.

Laura disse...

É isso que eu sonho..Só Paz e só amor...mas um dia virá isso tudo, não por agora que estamos demasiados entranhados no materialismo e no supérfluo, mas mais tarde sim...teremos isso tudo.
Bejinho a ti linda e querida ELL.

JRL disse...

Em cada amanhecer, que não venham mais guerras. Um beijo

António Castanheira disse...

Olá, Ell! Gostei muito deste poema. Parabéns! É bom ver que continua a escrever...
Um abraço

Blue Velvet disse...
Este comentário foi removido pelo autor.
Blue Velvet disse...

Que bom, um post novo!
E além de lindo, cheio de Esperança.
...Não virão mais guerras,
só Paz, só amor em cada amanhecer...
Assim Seja.
Beijinhos

PS: O comentário apagado era meu.
Tinha um erro ortográfico.
Sry

Besnico di Roma disse...

O poema é lindo a fotografia também.
Só na fotografia ao lado é que não gostei que chames rafeira à tua cadela. Tomara muitos rafeiros do governo terem um ar tão bom como ela.

Isabel disse...

Passei para te deixar um enorme beijo e te dizer: voltei.
Graças a todos vós vou tentar dar a volta por cima e voltar a ser EU.

Bjnh

Pena disse...

Poema delicioso, com um profundo sentimento desencantado, mas puro e lindo.
Um sentir. Um estar.
Respeitá-los-ei sempre.
São próprios de alguém que vive, encanta e delicia.
Uma personalidade e um carácter franco, aberto e sincero. Um estado de espírito, dos muitos que evoluem na vida.
Talentosa amiga, um grandioso Bem-Haja de ternura.
Beijinhos amigos e sinceros.
Com estima. Muita!

pena

FERNANDA & SONETOS disse...

Olá ELL, fiquei muito feliz de teres gostado dos meus Sonetos, è mais uma aventura neste mundo, mas eu gosto de desafios.
A tua postagem está lindíssima, com muito sentimento.
Minha querida, muitos beijinhos.
Fernandinha

JOSÉ NEVES disse...

Mais um bonito poema, excelente o pds na foto.

Parabéns, beijinhos.

São disse...

Só paz e amor, que assim seja!!
Obrigada pela visita, que espero repetida!
Abraços.

AnaG. disse...

Que bom que era "...Só paz e amor em cada amanhecer..."

Beijitos, Ell.

PS: Gosto da foto....

Laura disse...

Bora lá pá dança do post, com cinquentas ou sessentas, os egredo é saber manter o equilibrio...o ferro faz o resto..ehhh Ell o que me diverti no comboio com o ferro ali e tanta gente a empurrar, e eu que queria deslizar...
Beijinhos a ti ó garota linda...

António Melenas disse...

Simples e bonito este poema.
Obrigado Amiga, pela assiduidade dsa tuas visitas. A mim que tão relapdo ando.
Bem hjas
Beijinho

Cris Bolbosa disse...

Olá
Venho agradecer-lhe a sua visita no meu jardim. E volte sempre.
Gostei deste poema, é o que este nosso mundo está a precisar: de paz.
Cris

avelaneiraflorida disse...

UM SONHO??? UMA UTOPIA????

EStamos a tempo de o agarrar!!! Com as mãos e o coração!!!
Bjks

Sol da meia noite disse...

Vale a pena esperar por esse amanhecer...

Beijinho

Carminda Pinho disse...

Ell,
onde é que fica esse teu maravilhoso mundo?
Dentro de ti certamente e, às vezes é quanto nos basta para sermos felizes, não é?

Beijinhos

Isabel disse...

Lindo poema.
É pena que este seja um Mundo Teu; pois é, com toda a certeza, o Mundo que todos (?) desejávamos.

Bjnh

In Loko disse...

Lindo poema amiga, cheio de esperança e positivismo... e que o amor e amizade prevaleçam nestes nasceres de dias novos!

Gostei muito!

Beijinhos

Um Momento disse...

Abracemos a Paz!
Belos sentires em tão belo poema
Beijinho enorme em ti Ell:)))
(*)

sofialisboa disse...

Ol+a bicho de conta, não percebi bem o que querias dizer, mas posso apenas falar-te de mim...o ombro tem mesmo de ser o nosso, pq se contamos com o do outro podemos correr o risco de nos magoarmos. tem cuidado com as espectativas. se ainda tiver tempo irei explicar-te o que se passa comigo...bjs sofialisboa

filha do administrador disse...

pensava que andavas em compras de Natal :)
a foto também é lindaaaaaaaaaaaa

Maria Faia disse...

Olá amiga,

Sonhar com a Paz, a solidariedade e a fraternidade é dos sonhos mais lindos que podemos viver.
Mas o Homem, teimosamente, persiste com a guerra de palavras, de nervos, de interesses, metralhadoras, canhões, bombas atómicas e tostões. E, enquanto isso, vai destruindo o que de lindo o mundo tem, inclusivé a si próprio.

Adorei o teu sentir.

Beijo amigo,

Maria Faia

Era uma vez um Girassol disse...

muito bonito, Ell!
É urgente desejar coisas boas...
Para que se concretizem!
Beijinho da flor

Amaral disse...

É o mundo desejado... e, de certa forma, o mundo anunciado...
Quando o Sol raiar de amor entre os povos, outra realidade vai surgir, com outro perfume e outras cores...

Belisa disse...

Olá

Foto, poema, paz e amor, são a simbiose perfeita! Lindo!
Nunca disse...mas gosto também da foto da Matilde.
Deixo muitos beijinhos estrelados
Adoro suas visitas.
Obrigado

Teresa David disse...

Quem dera que os senhores da Guerra poetizassem como você, ao invés de investirem apenas na morte cruel e desnecessária de seres humanos, mas o vil metal ainda é um forte chamariz para muitos! Também perfilho das suas palavras.
Bjs
TD

Rui Caetano disse...

Abraçar o mar é o meu sonho, beijar alua a minha utopia, mas dançar com o meu grande amor é a realidade que tenho a meu redor.

dina disse...

parece que isto anda complicado para todos, não sei se é a época natalicia, mas os posts andam a reduzir em todo o lado (na minha casa é o mesmo)

São disse...

Bom fim de semana, linda.

Laura disse...

Olááá´nina linda!...
já estamos no fim de semana.
estamos sozinhos os dois..a filha em Lisboa os filhos no trabalho e o velho na tv...hoje para vir cá andei aos soluços, o homem só tem folhas e folhas para fazer e quase que me irritava e dizia, vai dar um espirro fora daqui ó homem...quero ver o mê correio e entrava aqui a vapor ehhhhh.
Agora já se foi e tenho-o todo para mim...
Beijinhos e que frio brbrbrbrrrrrrr...

myself disse...

De tão belo deixa marca.

MARTA disse...

Que lindo...
O mar acalma a alma mais torturada...no meu caso, pelo menos..
Obrigada pela visita e pelo comentário gentil...
Beijos e abraços
Marta