quarta-feira, 28 de março de 2007

uma cama vazia


lencois amarrotados deixados para trás lagrima fugidia que dormiu em ti acordou no despertar da furia da vontade de gritar corações sofridos na calada da noite na solidao do desespero em ti corre o Amor e a Paz a vontade de partir sem abalar um beijo








3 comentários:

Rui Luís Lima disse...

quando chega a ahora de despertar (des)conhecemos o mundo que vamos encontrar.
paula e rui lima

katomart disse...

que aconteceu para teres a cama vazia, porque nao a preenches tuZZZZZZZZZzzz???

Rui Luís Lima disse...

uma boa Páscoa
paula e rui lima